Regulamento 49º Citadino

Home \ Regulamento 49º Citadino

REGULAMENTO PARA O CITADINO 2019

I – DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

Art. 1º — O Campeonato Citadino de Futsal, edição 2019 tem por finalidade congregar os desportistas de Carlos Barbosa, promovendo o congraçamento entre equipes e difundir a prática do Futsal, bem como o incentivo ao surgimento de novos atletas.

Art. 2º — O presente campeonato será organizado em conformidade com a legislação e as regras do Futsal oficiais e ditadas pela Confederação Brasileira de Futsal e demais regras que regem esta competição.

Art. 3º — A organização do presente evento está a cargo do ESTUDANTEK FUTEBOL CLUBE, que de agora em diante, dir-se-á COMISSÃO ORGANIZADORA e que comporá um CONSELHO DISCIPLINAR  e se atribui a essa entidade e ao conselho as funções de:

a — Regulamentar as inscrições;

b — Organizar tabela, datas e horários dos jogos;

c — Organizar árbitros, mesários e seguranças para os referidos jogos;

d — Receber e interpretar as súmulas dos jogos;

e — Aplicar, na forma da lei toda e qualquer punição, que por ventura ocorrer;

f— Comunicar às equipes quaisquer punições, por escrito, até seis horas antes do jogo seguinte;

g — Julgar e decidir os casos omissos deste regulamento.

Art. 4º- O campeonato será disputado por atletas naturais de nosso município, ou que comprovem residência, atividade estudantil ou profissional no município de Carlos Barbosa, por um período igual ou superior a 183 dias (meio ano), tendo como base a data limite de 17 de dezembro de 2018 (entrega das fichas de inscrição) retroativo a 183 dias.

Parágrafo único: Os atletas com idade inferior a 18 anos, só poderão atuar com autorização, por escrito, dos pais ou responsáveis.

Art. 5º — As equipes participantes poderão inscrever na Ficha de Inscrição, o mínimo de dez e o máximo de doze atletas, sendo que o custo da inscrição será de R$ 600,00 (seiscentos reais) na categoria adulto, RS 600,00 (seiscentos reais) na categoria master, R$ 400,00 (quatrocentos reais) na categoria infanto sub-17 e R$ 250,00 (duzentos e cinquenta reais) na categoria sub-12

Parágrafo 1 0: Junto com a ficha de inscrição deverá ser entregue o valor da inscrição; fotocópia da identidade ou outro documento com foto; documento que será citado no próximo parágrafo.

Parágrafo 2 0: Serão considerados atletas aptos a participar do citadino de Futsal de Carlos Barbosa, os que se enquadrarem dentro de um dos itens citados abaixo:

 

  1. Natural de Carlos Barbosa;
  2. Ser proprietário de imóvel em nosso município, no mínimo há 183 dias (meio ano) comprovadamente;
  3. Ser residente em nosso município, no mínimo há 183 dias (meio ano), comprovados com conta de água, luz ou telefone fixo (no mínimo dois desses documentos em seu nome);
  4. Ter vínculo profissional comprovado com empresa de Carlos Barbosa, pelo prazo estipulado no artigo 40 (Carteira Profissional);
  5. Atleta até 21 anos pode comprovar alínea b ou c deste artigo com comprovantes do(s) pai(s), ou com atestado de freqüência escolar no caso de ser estudante;
  6. Ser atleta das categorias de base da ACBF, há 183 dias (meio ano);
  7. Atleta prestador de serviços ou empregador individual deverá comprovar através de Contrato Social ou Alvará expedido pela Prefeitura Municipal, que exerce atividade profissional há 183 dias ou mais efetivamente;
  8. Estudante poderá atuar com comprovante de freqüência, no mínimo, 75% (setenta e cinco por cento — em instituição de ensino fundamental ou médio e, ser obrigatoriamente de Carlos Barbosa, ou seja, escola particular, municipal ou estadual deste Município);
  9. Possuir ficha atual (como atleta de Carlos Barbosa) na Liga Carlos Barbosa de Futebol de Campo;
  10. Poderá ser inscrito 1 (um) atleta de fora do município, nas categorias livre masculino, master, infanto sub17 e sub-12.

Parágrafo 3º — Fica disposto que todo o documento entregue será examinado pelo Conselho Disciplinar, não se enquadrando nas normas, a equipe tem até 72 (setenta e duas) horas para fazer nova inscrição. Todo atleta inscrito e aprovado poderá participar do campeonato sem direito a recursos dos demais participantes, a decisão do Conselho Disciplinar é soberana,

Art. 6º — O atual campeonato será disputado no Centro Municipal de Eventos, com início previsto para 21 de janeiro de 2019. E, o horário dos jogos será o seguinte:

OBS: local de jogos, datas e horários, podem ser alterados pela comissão organizadora, de acordo com a disponibilidade dos ginásios;

  • (quando forem disputados 3 jogos por noite) 1º jogo — 19h 15min;
  • (quando forem disputados 4 jogos por noite) 1º jogo — 18h45hmin;

Parágrafo 1º: O prazo de tolerância para o início dos jogos será de 10 (dez) minutos, apenas para o primeiro jogo de cada rodada, para os demais jogos da rodada, será dado tempo de 5 (cinco) minutos após o término do jogo anterior. Após o início do jogo não será mais permitido o ingresso de nenhum integrante das equipes.

Parágrafo 2 0: Não será permitida a participação no jogo de atleta que chegar a quadra de jogo após o início do mesmo.

Parágrafo 3 0: Será obrigatória a apresentação de documento com foto (RG , CNH) dos integrantes da equipe em todos os  jogos da mesma.

Art. 7º- Todas as equipes deverão comparecer aos jogos devidamente fardados e nos horários estabelecidos.

Parágrafo 1 0: Poderão permanecer na quadra e banco de reservas durante os jogos: os atletas, treinador e massagista, previamente identificados pela ficha de inscrição e devidamente identificados com a apresentação da ficha da competição. O responsável representará a equipe nos assuntos extra quadra, e poderá ficar no banco somente com a ausência do Treinador ou Massagista, podendo neste caso sofrer as punições impostas aos demais inscritos.

Parágrafo 20: O fardamento deverá ser padronizado, camisas, calções e meias de mesma cor entre elas respectivamente, com numeração legível e oficial da Confederação Brasileira de Futsal e de fácil identificação pela arbitragem e mesários, o nome ou apelido poderá constar ou não na camisa, sendo que o número do calção (se tiver) deverá ser preferencialmente igual ao número da camisa.

Parágrafo 3 0: No caso de fardamentos de mesma cor ou assemelhados, a troca autorizada pela arbitragem deverá ser feita pela equipe que constar em primeiro lugar, lado esquerdo, do referido jogo, na tabela de jogos. O Prazo para a troca é de 10 (dez) minutos a partir do pedido do árbitro. Se isto não ocorrer, esta equipe perderá automaticamente os pontos do jogo.

OBS: Poderá ser usado colete numerado caso haja algum problema no momento do jogo (colete fica sob responsabilidade das equipes).

 

 

II – DAS INFRAÇÕES

Art. 8º — Todo atleta eliminado, após ter recebido o cartão vermelho, não poderá permanecer nas dependências da quadra de jogo, nem atrás do banco de reserva, sendo passível de punição, se isso ocorrer.

Parágrafo único: O não cumprimento deste artigo acarretará em multa de R$ 100,00 a sua respectiva equipe.

Art. 9º — Todo atleta ou integrante da equipe expulsa do jogo sofrerá suspensão automática para o jogo seguinte e será julgado pela Comissão Organizadora, podendo sofrer as seguintes punições, cumulativamente:

  1. 0 1º cartão: suspensão de um a três jogos;
  2. 0 2º cartão: suspensão de dois a cinco jogos;
  3. 0 3º cartão: suspensão de 5 jogos.

Parágrafo único: todo e qualquer integrante inscrito que sofrer punição prevista no artigo 90 deverá cumprir a punição somente na categoria em que foi punido.

Art. 10º — Fica expressamente proibida a retirada da camisa ou calção nas dependências da quadra, em sinal de respeito ao público. Ao infrator será aplicado cartão amarelo e sofrerá as punições do Artigo 090 e mais multa de R$ 250,00 (duzentos e cinquenta reais).

Art. 11º — Todo atleta ou dirigente que agredir fisicamente a arbitragem, mesários, comissão organizadora, será automaticamente eliminado do atual campeonato e dos 2 (dois) próximos campeonatos, sem direito a recurso, e a equipe sofrerá uma multa de R$ 600,00 (seiscentos reais).

Parágrafo | 0: Todo torcedor identificado de uma equipe participante que invadir a quadra de jogo, comprovadamente em súmula, a equipe do qual o mesmo pertencer, será multada em R$ 300,00 (trezentos reais).

Parágrafo 2 0: Havendo reincidência, a EQUIPE será eliminada da competição e multada em R$ 600,00 (seiscentos reais).

Parágrafo 3 0: todo atleta inscrito em alguma equipe, mesmo não participando do jogo (lesionado, suspenso, ou qualquer outro motivo) que participar de brigas ou confusões fora da quadra de jogo, identificado em súmula pela arbitragem, a equipe será multada em R$ 300,00 (trezentos reais).

Parágrafo 4 0: em caso da partida ser paralisada por mau comportamento da torcida (objetos na quadra, bater ou derrubar placas de publicidade ou qualquer outro motivo que impeça o bom andamento do jogo), a arbitragem será orientada a chamar o capitão da equipe e pedir para a sua torcida manter o controle. Em caso da partida ser paralisada pela 2a vez, a equipe identificada será multada em R$ 300,00 (trezentos reais).

Art. 12º — O atleta que acumular três cartões amarelos cumprirá suspensão automática de um jogo, a ser cumprido na partida seguinte de sua equipe.

Parágrafo 1º: O cartão vermelho não elimina o cartão amarelo no mesmo jogo.

Parágrafo 2º: A contagem dos cartões será cumulativa para todas as fases;

Parágrafo 3º: Nos 02 (dois) jogos semifinais os cartões amarelos serão zerados; se sofrer o 3º cartão amarelo na partida anterior, terá que cumprir um jogo de suspensão;

Parágrafo 4º: O atleta que receber o 3º cartão amarelo e também o cartão vermelho, no mesmo jogo, deverá cumprir 02 (dois) jogos de suspensão automática, mais a suspensão disciplinar, caso haja;

Parágrafo 5º: Cabe às equipes conferir os cartões nas súmulas. A organização não se responsabiliza pela contagem dos mesmos.

Art. 13º — Toda a equipe que colocar em quadra um atleta sem condições ou suspenso, perderá automaticamente os pontos para a equipe adversária e sofrerá uma multa de R$ 300,00 (trezentos reais).

Parágrafo 1º: Em caso de W.O., ou perda de pontos ao iniciar o jogo, a equipe considerada vitoriosa ganhará os pontos e será anotado em súmula vitória da mesma com placar favorável de 2 X 0.

Parágrafo 2º: No caso de não realização de um jogo oficial, por motivo de W.O., o mesmo não terá validade para o cumprimento das suspensões automáticas ou por penalidades devendo as mesmas serem cumpridas na próxima partida.

Art. 14º — Toda equipe que não se apresentar para um jogo, além de perder os pontos em beneficio do adversário, sofrerá uma multa de R$ 300,00 (trezentos reais).

Parágrafo 1º: Se as duas equipes não se apresentarem, ambas não marcarão pontos e sofrerão a multa deste artigo.

Parágrafo 2º: A equipe que não se apresentar para dois jogos será eliminada do atual campeonato, e seus integrantes sofrerão sanções para o(s) próximo(s) campeonato(s) de Futsal.

Art. 15º — A equipe que apresentar um ou mais atletas em desacordo com Artigo 5º, terá o seu jogador excluído do evento, e a equipe perderá os pontos das partidas que tiver disputado com o referido atleta, revertendo os mesmos para o respectivo adversário, com placar de 2 x 0 . Caso a equipe infratora perder, será mantido o resultado do jogo.

Art. 16º — Em caso de brigas ou confusões generalizadas caberá à Comissão Organizadora julgar as penas que serão impostas em conformidade com a gravidade dos casos, baseados no presente regulamento.

Art. 17º — Objetos jogados na quadra, quando identificados como torcedor, irão punir a equipe com multa de R$ 300,00 (trezentos reais).

Art. 18º — Arbitragem será orientada a punir com cartão os atletas do banco de reserva que baterem as placas de publicidade intencionalmente.

Art. 19º — Somente os inscritos na ficha de inscrição estão autorizados a entrarem na quadra antes e após os jogos, o não cumprimento acarretará multa de R$ 300,00 (trezentos reais) em qualquer situação.

Art. 20º — O vestiário deve ser desocupado e a chave do mesmo entregue à organização até o intervalo do jogo seguinte. O não cumprimento disso acarretará multa de R$ 50,00 (cinquenta reais). A comissão organizadora não se responsabiliza por qualquer objeto deixado dentro do vestiário.

Art. 21º — Toda e qualquer solicitação à comissão organizadora deverá ser feita em folha papel A4, digitada e assinada pelo responsável da equipe, constando nome, identidade e CPF do responsável, até no máximo, 15h (quinze horas) após o horário do término do jogo.

Art. 22º — Toda e qualquer decisão da Comissão Organizadora é soberana e aplicada em toda a sua plenitude. A comissão organizadora não se responsabilizará por qualquer acidente com pessoas envolvidas no citadino ou que comparecerem no ginásio durante a realização do campeonato de Futsal.

Parágrafo único: Os casos omissos a este regulamento serão julgados pela Comissão Organizadora.

Art. 23º — Toda e qualquer multa que for aplicada em valores deverão ser pagas antes de a sua equipe assinar a súmula do(s) seu(s) próximo(s) jogo(s). O não cumprimento resultará na impossibilidade da equipe atuar, com perda automática dos pontos em beneficio do adversário. Tendo o resultado do jogo conforme consta no Artigo 14º.

Parágrafo único: A Comissão Organizadora poderá a qualquer momento, lançar oficio às equipes com novas determinações para o campeonato, sendo que as mesmas passam a fazer parte do Regulamento da Competição a partir da data de seu lançamento.

III – DAS MODALIDADES E FORMAS DE DISPUTA

Art. 24º — Modalidade de disputa da Categoria Master: Será disputado por 06 equipes, em grupo único de todos contra todos, jogos só de ida, classificando-se as 4 melhores equipes para as semifinais com os mesmos critérios da categoria livre.

Somente nessa categoria será permitido substituir um atleta de qualquer equipe, desde que o atleta novo não tenha participado da presente competição. A troca poderá ser realizada ao termino da primeira fase, antes de iniciar a fase semifinal.

SEMIFINAIS: As equipes classificadas disputarão jogos eliminatórios em turno e returno, primeiro contra quarto, segundo contra terceiro, não contando saldo de gols. Em caso de empate haverá prorrogação de 2 tempos de cinco minutos cronometrados, a equipe de melhor campanha na primeira fase (ranking), terá vantagem do empate somente na prorrogação.

FINAIS: Os vencedores das semifinais jogarão entre si, em duas partidas, sendo que não há vantagem, em caso de dois empates ou uma vitória para cada lado, não contando saldo de gols, a decisão será nos pênaltis, com 5 (cinco) cobranças para cada lado, persistindo o empate, cobranças alternadas.

Cronometragem:

l . Tempo de jogo: 1 a fase: 18 min. corridos e 02 min. cronometrados;

  1. Semifinal e final: 15 min. corridos e 05 min. cronometrados;

Art. 25º — Modalidade de disputa da Categoria Infanto (sub17): Será disputado por 05 equipes, em grupo único de todos contra todos, jogos só de ida, classificando-se as 4 melhores equipes para as semifinais com os mesmos critérios da categoria livre.

SEMIFINAIS: As equipes classificadas disputarão jogos eliminatórios em turno e returno, primeiro contra quarto, segundo contra terceiro, não contando saldo de gols. Em caso de empate haverá prorrogação de 2 tempos de cinco minutos cronometrados, a equipe de melhor campanha na primeira fase (ranking), terá vantagem do empate somente na prorrogação.

FINAIS: mesma regra das demais categorias;

Cronometragem:

Tempo de jogo: 2 tempos de 18 min. corridos e 02 min. cronometrados;

  1. Prorrogação: 2 tempos de 03 min. corridos e 02 min. cronometrados;

Art. 260 — Modalidade de disputa da Categoria Sub12: Será disputado em grupo único de todos contra todos, jogos só de ida, classificando-se as 4 equipes para as semifinais com os mesmos critérios da categoria livre.

SEMIFINAIS: As equipes classificadas disputarão jogos eliminatórios em turno único, 1º x 4º e 2º x 3º, não contando saldo de gols. Em caso de empate a decisão será nos pênaltis com 5 (cinco) cobranças para cada lado, persistindo o empate, cobranças alternadas.

FINAIS: Os vencedores das semifinais jogarão entre si, em partida única, sendo que não há vantagem. Em caso de empate, a decisão será nos pênaltis, com 5 (cinco) cobranças para cada lado, persistindo o empate, cobranças alternadas.

Cronometragem:

l . Tempo de jogo: 1a fase: 2 tempos de 15 min. corridos;

  1. Final: 2 tempos de 14 min. corridos e 01 min. cronometrado

 

Art. 27º — Modalidade de disputa da Categoria livre:

Parágrafo 1º: O carnê de jogos será elaborado pela Comissão Organizadora, contendo primeira fase, quartas de final, semifinais e finais.

Parágrafo 2 0: Primeira fase: As 12 equipes serão divididas por sorteio em 2 chaves, jogando todos contra todos dentro da chave, passando para a segunda fase as 4 equipes melhor classificadas de cada chave que serão rankeadas conforme suas pontuações.  Para a segunda fase (quartas de final) as equipes classificadas disputarão conforme o ranking da primeira fase formando os seguintes confrontos (1º x 8º) , (2º x 7º) , (3º x  6º) e (4º x 5º) independente da chave, em jogos de ida e volta.

 

Parágrafo 3º: Fase de quartas de final: As equipes classificadas para a segunda fase (quartas de final) jogarão partidas eliminatórias em turno e returno no sistema Olímpico sendo que todos os classificados serão ranqueados num grupo único ( 1º x 8º, 2º x 7º, 3º x 6º e 4º x 5º) não contando saldo de gols, em caso de empate haverá prorrogação de 2 tempos de cinco minutos cronometrados, a equipe de melhor campanha na primeira fase terá vantagem do empate somente na prorrogação.

Parágrafo 4º: Semifinais: As equipes classificadas disputarão jogos eliminatórios em turno e returno, onde as equipes vencedoras da fase “quartas de final” se enfrentarão respeitando as classificações da primeira e segunda fase (ranking), onde o melhor classificado enfrentará o pior classificado.

Em caso de empate haverá prorrogação de 2 tempos de cinco minutos cronometrados, a equipe de melhor campanha na primeira fase terá vantagem do empate somente na prorrogação.

Parágrafo 5º: FINAIS: Os vencedores das semifinais jogarão entre si, em duas partidas, sendo que não há vantagem, nem saldo de gols. Em caso de empate  a decisão será nos pênaltis, com 5 (cinco) cobranças para cada lado, persistindo o empate, cobranças alternadas. O mando de quadra será definido pela campanha das equipes na primeira fase.

Art. 28º — A cronometragem dos jogos pelos mesários seguirá a seguinte norma:

1ª FASE: Dois tempos de 15 min. de tempo corrido e mais 5 minutos de cronometragem oficial;

 

2ª FASE (quartas de final), SEMIFINAIS E FINAIS – Cronometragem oficial.

OBS. O cronômetro no tempo corrido só será parado por determinação da arbitragem ou caso haja algum problema extra quadra que seja necessária a interrupção do jogo.

Art 29º –  As equipes de todas as categorias classificar-se-ão  para a segunda fase, obedecendo aos seguintes critérios:

  1. Maior número de pontos marcados;
  2. Maior número de vitórias;
  3. Confronto direto;
  4. Menor número de gols sofridos;
  5. Maior número de gols marcados;
  6. Menor número de cartões (amarelos vale I, vermelho vale 3);